sexta-feira, 12 de junho de 2015

IRMÃOS CHUMBINHO DOMINAM ITACOATIARA



Por João José Macedo


Nos dias 30 e 31 de maio a praia de Itacoatiara foi palco de um verdadeiro show de surf na abertura do Circuito ASN Compão / Secretaria de Esporte 2015. No sábado ondas de 1,5m a 2,0m, pesadas e intensas desafiaram os melhores surfistas de Niterói e de diversas cidades do Estado do Rio de Janeiro. Os atletas das categorias Open e Master demonstraram muita disposição e atitude no canto do Pampo.

As previsões se confirmaram para o domingo, o mar abaixou e quebraram boas ondas de um metrão, com ondulação de sudoeste e brisa de terral. A chuva fina ao longo do dia não desanimou o público na praia, que pode acompanhar disputas emocionantes dentro da água.

Foram registradas duas notas 10 no evento. Uma foi para o saquaremense Lucas Chumbinho, revelação brasileira na última temporada havaiana, que na decisão da Open saiu de um tubo que parecia impossível de ser completado. Com o título na etapa fez dobradinha com seu irmão João Vitor Chumbinho, que foi o campeão da Junior. A outra nota máxima foi para o catarinense Matheus Herdy, sobrinho do Guilherme e filho do Alexandre, que surfou um tubo profundo e ainda acertou um aéreo reverse, em sua vitória na final da Iniciante.

Niterói recebeu um grande contingente de surfistas de fora da cidade, como Búzios, Saquarema, Rio de Janeiro, Arraial do Cabo, Cabo Frio, e dos estados de Santa Catarina, Paraíba e Ceará. Desta vez a competição municipal também contou com duas presenças internacionais, do argentino Gaspar Larrangneguy, e da revelação mundial Kian Martin, sueco, que sempre morou em Bali e é filho de pai brasileiro.

O competidor Marcos Uberlan se machucou em um treino no domingo, nas ondas tubulares do meio da praia. Mais uma vez a presença da ambulância da Unimed foi fundamental, pois prestou pronto atendimento de qualidade, dando 6 pontos na perna do atleta.

Mesmo com muitos representantes de Niterói nas finais de quatro categorias, todas as cinco disputadas foram vencidas pelos visitantes, o que demonstra imparcialidade do julgamento nos campeonatos da ASN. Foram duas vitórias para Saquarema, duas para o Rio de Janeiro, e uma para Florianópolis.

Lucas Chumbinho não deu chances para seus adversários na final da Open ao completar um tubo nota 10. Com isso ele faturou um final de semana com direito a um acompanhante na Pousada Itamambuca Casa de Praia, e largou na frente na corrida pelo título do ranking, que vai premiar com 10 dias de hospedagem no Ulau Manua Resort Mentawai, com direito a alimentação e barco, e três diárias de gravação de vídeo em super câmera lenta no litoral fluminense, com edição de um teaser pela MR Sport Films. O paraibano Leo Morais, que já havia vencido um campeonato da ASN em 2008, abriu bem a bateria, mas sofreu a virada, terminando na segunda colocação. Os niteroienses Pedro Todaro e Marco Antonio Cofrinho, mostraram conhecimento do pico ao enfrentar as diferentes condições ao longo do campeonato, e terminaram respectivamente em terceiro e quarto.

O carioca Milton Morbeck foi o campeão Master no Circuito ASN 2014. Ele começou bem o ano, venceu a primeira etapa e ganhou uma passagem para o Peru, oferecida pela Avianca e AIT Operadora de Turismo. O big rider saquaremense Patrick Reis teve uma chance no minuto final e por menos de meio ponto não conseguiu a virada, e permaneceu em segundo. O competitivo Rafael Mignani ficou em terceiro, com José Eduardo Manier, outro representante local, em quarto.

João Vitor Chumbinho manobrou com força em uma direita e recebeu 8,5 em sua maior nota para vencer a Junior. Matheus Rodrigues começou liderando, sofreu a virada, lutou até o fim e terminou em segundo. O cearense de Paracuru Janninfer Sousa se mudou para o Rio de Janeiro há poucos meses, participou do campeonato em Itacoatiara, fez uma boa campanha e garantiu o terceiro lugar. O carioca Victor Soares completou a decisão na quarta colocação.

Vitor Ferreira, campeão brasileiro Iniciante em 2014, mudou de categoria neste ano e venceu uma bateria de alto nível em sua estreia na Mirim. João Vitor Quintanilha de Arraial do Cabo surpreendeu em toda competição com apresentações consistentes e garantiu o segundo lugar. Matheus Herdy não repetiu a boa atuação da Iniciante e terminou em terceiro. Daniel Templar de Saquarema é frequentador assíduo da ASN e finalizou em quarto.

Matheus Herdy buscou extrapolar os limites durante todo evento. Na final da Iniciante ele encontrou um belo tubo e acertou um aéreo reverse na junção para receber a nota 10 unânime dos juízes, e com outra onda 6,5 também fez o maior somatório da competição. Kian Martin mostrou que a intimidade com as ondas da Indonésia foi importante para ele se adaptar as ondas de Itacoatiara. Ele encaixou três boas manobras em uma direita e garantiu a segunda colocação. O niteroiense Danilo de Souza ficou em terceiro e Daniel Templar em quarto.

Ao término do campeonato, em clima de amizade e descontração, todos os envolvidos estavam satisfeitos com o desfecho do evento. Mais uma vez Itacoatiara mostrou seu potencial, com ondas pesadas e desafiadoras no primeiro, e condições perfeitas para competição no dia decisivo.

A segunda etapa do Circuito ASN Compão / Secretaria de Esporte 2015 está agendada para os dias 25 e 26 de julho, na tradicional praia de Itacoatiara.

O Circuito ASN Compão / Secretaria de Esporte 2015 tem patrocínios das Lanchonetes Compão, Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Niterói, Unimed Leste Fluminense, Ulau Manua Resort Mentawai, Avianca, AIT Operadora de Turismo, MR Sport Films, Pena, Hot Buttered, Pousada Itamambuca Casa de Praia, Northwindpro, Hillstone, Todaro, André Cebola Shaper e Pranchas Bou.


Divulgação ASN Biênio 2015/16

0 comentários:

Postar um comentário

COMPARTILHE!

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More